Sobre ser diferente

by - agosto 13, 2015


Eu nunca fui do tipo de garota que se encaixava facilmente em um grupo, aquele tipo de pessoa que não combina, que fica de fora, que é diferente. Quando criança eu lembro que eu fazia coisas diferentes, que poucas pessoas entendiam e ou compartilhavam comigo.

Aliás, nunca fui do tipo de garota que tem muitos amigos, ao longo de toda a minha vida, tive meia duzia amigos próximos, alguns se perderam pelo caminho, com tantas mudanças que ocorreram, e ocorrem normalmente na vida. 

Mas se quiser saber, eu nunca fui do tipo de garota que se importou em ser diferente. Com o tempo eu apenas aceitei. Aceite que gostava de usar preto, aceitei que meu gosto musical é peculiar, aceitei que não sirvo pra sentar com outras meninas e falar de esmalte, aceitei que gosto de pessoas inteligentes, e de ter conversas inteligentes, aceitei que tenho problemas, aceitei ser eu mesma.

E não existe nada de errado em ser diferente, ser único, ter gostos considerados estranhos, porque no fim, ser diferente, é meu jeito de ser normal.

FACEBOOK | TWITTER | INSTAGRAM | YOUTUBE

You May Also Like

0 comentários

O que você acha disso?