Um texto sobre Feminismo

by - junho 09, 2015

Há um longo tempo eu queria falar sobre esse assunto no blog, e é um assunto que sempre que abordado gera um pouco de desconforto, porque todos já ouviram algo sobre esse movimento que tem crescido felizmente cada vez mais, mas é absurda a quantidade de pessoas que não fazem ideia sobre o que se trata, e tudo bem. O problema começa acontecer quando essas pessoas decidem formar uma opinião, mesmo sem entender o que ser feminista realmente significa.


Por definição, Feminismo é um movimento social, filosófico e político que tem como objetivo direitos equânimes (iguais) e uma vivência humana por meio do empoderamento feminino e da libertação de padrões opressores patriarcais, baseados em normas de gênero.

Sim, sou feminista.

A história feminista volta anos atras, e tem conquistado patamares incríveis em n áreas, desde a conquista pelo direito de voto, ensino básico e superior, voz no ambiente político, atingindo até a mais alta cadeira da nossa república.

É importante entender que o feminismo é antes de qualquer coisa um movimento sobre igualdade, o feminismo não é uma seita de ódio aos homens, ou adoração as mulheres, não é uma luta contra o gênero masculino, apenas o sistema que privilegia os homens sobre as mulheres nas mesmas situações.

Ser feminista não quer dizer que você precisa abandonar o salto alto ou o ato de se maquiar e passar batom vermelho na boca, ser feminista apenas te dá a liberdade para decidir se você quer usar ou não, independente da convenção social, que diz que você precisa estar linda e bem arrumada sempre.

Ser feminista não implica que você não pode ter filhos, ou que não pode usar certo tipo de roupa, ser feminista te dá a liberdade de escolher o que fazer  com seu corpo, se você quer ou não ter filhos, e como os quer ter, te da o direito de decidir o que você quer usar, sem ser rotulada ou assediada ao sair na rua.

Ser feminista não é seguir um livrinho de regras, é buscar a igualdade entre gêneros e a liberdade da mulher poder fazer o que ela quiser filosoficamente, politicamente e socialmente.


Existe um teste, para saber se você é uma pessoa que se identifica com o movimento feminista criado por Cynthia Semíramis, Doutoranda em Direito na UFMG e Bacharela e mestra em Direito, pesquisadora dos direitos das mulheres através da história.

Teste: você é feminista?

1. Você concorda que uma mulher deve receber o mesmo valor que um homem para realizar o mesmo trabalho?
2. Você concorda que mulheres devem ter direito a votarem e serem votadas?
3. Você concorda que mulheres devem ser as únicas responsáveis pela escolha da profissão, e que essa decisão não pode ser imposta pelo Estado, pela escola nem pela família?
4. Você concorda que mulheres devem receber a mesma educação escolar que os homens?
5. Você concorda que cuidar das crianças seja uma obrigação de ambos os pais? ?
6. você concorda que mulheres devem ter autonomia para gerir seu dinheiro e seus bens?
7. Você concorda que mulheres devem escolher se, e quando, se tornarão mães?
8. Você concorda que uma mulher não pode sofrer violência física ou psicológica por se recusar a fazer sexo ou a obedecer ao pai ou marido?
9. Você concorda que atividades domésticas são de responsabilidade dos moradores da casa, sejam eles homens ou mulheres?
10. você concorda que mulheres não podem ser espancadas ou mortas por não quererem continuar em um relacionamento afetivo?

Respondeu que sim a todas ou a grande parte dessas perguntas? Parabéns, você é pró-feminista ou até um feminista. Você não precisa postar na sua página do facebook ou mudar sua bio no twitter, muito menos sair na rua com faixas e cartazes, Se você acredita na igualdade de direitos entre homens e mulheres, você é feminista.

Apenas.

Cada pessoa cria seu código de ética, tem sua própria maneira de ver e se relacionar com o mundo e as pessoas nele, cada um respeita a vida como acha melhor, ser feminista não muda isso, apenas agrega novos valores a sua vida.

Se você se interessou sobre o assunto, aconselho a assistir esse vídeo, onde a Emma Watson fez um discurso incrível sobre o assunto no lançamento da campanha He for She (Ele por Ela) da ONU onde ela é embaixadora da boa vontade.


Espero que esse texto possa a ser mais uma ferramenta feminista, e que possa esclarecer um pouco sobre o assunto a quem tenha interesse. Beijos!

You May Also Like

1 comentários

  1. Oiii.. tudo bem?!

    Conheci o seu blog atravez do CBBlogers e gostaria de convidar você para conhecer o meu também!!!

    BLOG: http://rodrigues-renata.blogspot.com.br/

    Espero que goste como gostei do seu!!!

    Beijos

    ResponderExcluir

O que você acha disso?