Você precisa parar de reclamar do seu irmão.

by - julho 16, 2011

Hoje eu loquei um filme, é, A morte e a vida de Charlie, é um filme de romance-fantasia feito com base no romance de 2004, de Ben Sherwood, The Death and Life of Charlie St. Cloud. O filme é dirigido por Burr Steers e estrelado por Zac Efron. Nele Os irmãos Charlie (Zac Efron) e Sam (Charlie Tahan) formavam uma dupla e tanto, mas um trágico acidente os separou. Apesar disso, Charlie conseguiu manter contato com ele após a morte e tornou-se um cara estranho e recluso, abandonando seu futuro para trabalhar no cemitério da pequena cidade. Anos mais tarde, Charlie reencontra uma jovem da escola (Amanda Crew) e passa a sentir por ela uma forte atração. Agora, ele precisa decidir entre manter a promessa que fez ao irmão de nunca mais o abandonar, ou seguir o desejo de seu próprio coração e dar um novo rumo para a sua vida. 

Basicamente o filme fala desse dilema, esse conflito que Charlie se encontra entre deixar seu irmão e seguir sua vida ou não.

Mas pra mim passou uma mensagem um pouco diferente. Eu explico.Logo no início, Charlie perde o irmão, e é nessa cena que eu fiquei mais vidrada, ele está ali vivo, vendo o irmão morto, e o desespero que ele sente me inundou, Chorei como um bebe! Isso me fez pensar, e se fosse comigo? e cheguei a conclusão de que por mais que eu e meu irmão brigamos, e tudo mais, somos irmãos, e a gente se ama.


You May Also Like

0 comentários

O que você acha disso?